a Bombinhas em Foco ( 18/11/2018 ) a

Instituto Boimamão celebra 10 anos de atividades

Quem passou pela Rua do Cantalicio, Bairro Sertãozinho, no último dia 26 de julho, voltou no tempo pelo menos em 50 anos. A fumaça do Engenho da farinha anunciava que ali estavam fazendo beiju, um carro de boi passava no local e o povo "das Bombinhas chegava", todos com um bolinho na mão, era dia de celebração. Aniversário do Instituto Boimamão.

A sede Engenho do Sertão estava enfeitada para receber os convidados mais ilustres, a própria comunidade. Uma instalação ilustrava os 10 anos do caminho percorrido, de "idéias transformadas em ações" 1998/2008.

Assim, todos apreciavam a exposição dos trabalhos dos alunos da Escola da Terra e Cerâmica Valongo, a linda apresentação do grupo Mixtura, as confabulações degustativas no café do Engenho e o momento mais esperado iniciaram às 19h, o lançamento do Documentário "Unindo Gerações" dos 10 anos da instituição. Crianças, jovens e adultos "se assistiram" emocionados. Realmente uma noite assinalada, que ficou ainda mais iluminada, com o baile da Saudade abrilhantado pelo conjunto "Divina Inspiração" de Itajaí.

"Enfim, cumprimos um ciclo e parte da nossa missão de promover o respeito à diversidade cultural e à criatividade humana, enaltecendo o povo bombinense em geral e o açoriano em particular. Estamos iniciando outro ciclo, caminhando com Boi em outras paragens", enfatizou a fundadora da organização Rosane Luchtenberg. Preservar a tradição é manter a dignidade de um povo, pois entendemos que "patrimônio não é somente o que podemos tocar e sim o que nos toca".

Instituto Boimamão: Preservação e Fomento da Cultura, mantém a sede no Sertãozinho município de Bombinhas desde 1998.

O CD com músicas populares de Bombinhas lançado este ano e o documentário "Unindo Gerações", estão à venda na sede da instituição.

Mais informações e agendar visitas: (47) 3393-3099 ou (47) 9923-0835 boimamão@terra.com.br www.instituto boimamao.org.br www.oacor.com.br

Escola da Terra: uma parceria com a Secretaria de Educação e Cultura de Bombinhas. Atende alunos da rede municipal, com oficinas dos saberes, papel, sabão, sabonete, horta e cerâmica.

Cerâmica Valongo: núcleo desenvolvido por Patrícia Estivallet, Porto Belo

Apoio do evento: Fundação Genésio Miranda Lins de Itajaí, Fundação Municipal de Bombinhas e Brasil Memória em Rede/Museu da Pessoa.



Fonte: JORNAL O ATLÂNTICO (Itapema - SC)

 

 

 

 

 

 

banner

Copyright © 2007 Todos os Direitos Reservados - Fazendo Site