a Bombinhas em Foco ( 16/11/2018 ) a

Policiais assumem a reforma do posto

Dois soldados deixaram a farda de lado e assumiram as obras de reforma do posto da Polícia Militar no município. Em vez de bater na porta, quem buscou atendimento ontem à tarde teve de olhar para o telhado em reforma e pedir a ajuda dos militares, já que o posto tinha a entrada chaveada.

- Se não fizermos nada, o posto pode cair - justificou o comandante do Pelotão de Bombinhas e Porto Belo, tenente Éder de Souza Oliveira.

Desde o fim do ano passado, depois de um temporal, os policiais do plantão em Porto Belo conviviam com os buracos no teto, em função de parte do telhado que desabou. Cansados do ambiente precário, os próprios militares buscaram apoio de empresários da cidade, que doaram o material para a reforma.

O representante do pelotão da PM garantiu que os militares que atuavam na obra ontem estavam de folga e que se apresentaram voluntariamente. O posto estava fechado enquanto o policial do plantão fazia um serviço no Fórum, segundo o tenente. Na primeira parte da empreitada, os dois policiais removeram metade das telhas e da madeira do imóvel. Vidros, janelas, portas e outras partes da estrutura também estão comprometidas.

O tenente afirmou que a PM encaminhou esta semana um pedido formal para o Estado custear o que falta da reforma. Segundo ele, um impedimento legal barrava o investimento do governo catarinense em imóvel que não era próprio. A casa onde funciona o posto pertencia ao município. De acordo com Oliveira, os trâmites da doação para o Estado só foram concluídos terça-feira passada, após um ano da entrada em cartório.

- O posto funciona mais como uma referência para a comunidade de Porto Belo, porque a estrutura de Bombinhas atende aos dois municípios. Mas, no verão, o local é muito importante na área de cobertura da Polícia Militar - afirmou o tenente.

No total, 13 militares se revezam no município e um atendente por dia fica de plantão no posto, inaugurado em 1995. Somado à estrutura de Bombinhas, o efetivo nas duas cidades é de 27 policiais militares.



Fonte: JORNAL DE SANTA CATARINA (Blumenau – SC)

 

 

 

 

 

 

banner

Copyright © 2007 Todos os Direitos Reservados - Fazendo Site