a Bombinhas em Foco ( 18/11/2018 ) a

De dia praia, à noite Oktober

Diversas opções de lazer atraem turistas ao Litoral que preferem se hospedar lá em vez de ocupar hotéis em Blumenau A proveitar a praia durante o dia e à noite, a Oktoberfest. Esta é rotina para grande parte dos turistas que vêm ao Estado durante as Festas de Outubro. Profissionais ligados ao setor afirmam que Blumenau poderia aproveitar melhor o movimento desta época, incentivando a permanência do turista também durante o dia. Visitantes na região existem. No feriadão de Nossa Senhora Aparecida, os 39 hotéis de Blumenau ocuparam todos os 4,5 mil leitos. No mesmo período, em Balneário Camboriú, 95% dos 20 mil leitos foram usados e na Costa Esmeralda (Itapema, Bombinhas, Bombas, Tijucas e Porto Belo), das 2,5 mil camas disponíveis, 85% receberam turistas.

Os bancários Herton Victor Pereira Moraes, 24 anos, e Alexandre Canedo Ramos, 26, são de Brasília e vieram a Santa Catarina só para conhecer a Oktoberfest. Até cogitaram ficar hospedados em Blumenau, mas, por indicação de uma amiga, optaram por Balneário Camboriú.

– Chegamos quarta-feira e ficaremos até domingo, mas ainda não fomos para a Oktoberfest. Preferimos ficar em Balneário porque tem muitas opções para sair à noite e por causa das praias – contou Moraes, sexta-feira à tarde.

A percepção de profissionais da área, como o presidente da Associação dos Guias Turísticos de Balneário Camboriú (Agtur), Jaci Batista Laurentino, é de que o horário ampliado do comércio, gastronomia variada, locais de lazer próximos ao Centro e belezas naturais mantêm visitantes no Litoral. Os guias são orientados a contar sobre as atrações do Vale, abrindo possibilidades de passeios. Mas, para ele, Blumenau e as cidades vizinhas podem ser conhecidas em um dia.

– Levamos os turistas para fazer compras em lojas de malhas e cristais. Visitamos algumas cervejarias e o almoço é em Pomerode – conta Laurentino.

Opções de lazer em Blumenau só com agendamento

Para a vice-coordenadora do Núcleo de Turismo Receptivo da Associação Empresarial de Blumenau, Izabela Damiana Duque, os setores envolvidos com o turismo precisam melhorar o atendimento. Ela conta que já teve de levar grupos de turistas a outras cidades para almoçar comida típica alemã num domingo porque os restaurantes do gênero da cidade estavam fechados. Outro exemplo da falta de articulação do setor turístico é o circuito das cervejarias. Para agendar visita, só com antecedência.

Mesmo quem se hospeda em Blumenau é atraído ao Litoral. Este ano, o Beto Carrero World ofereceu o transporte para os grupos daqui que fossem passar o dia no parque, em Penha. O presidente da Associação Brasileira de Agênciass de Viagens (Abav-SC), Edson Loch, defede ações conjuntas.

– Precisamos parar de pensar em competição entre os municípios e começar a fazer um trabalho cooperado – diz. (Colaborou Fernando Arruda)




Fonte: JORNAL DE SANTA CATARINA (Blumenau – SC)

 

 

 

 

 

 

banner

Copyright © 2007 Todos os Direitos Reservados - Fazendo Site