a Bombinhas em Foco ( 16/11/2018 ) a

Poder Executivo e comunidade buscam soluções para o saneamento básico em Bombinhas

O Auditório da Prefeitura foi palco, na última sexta-feira, dia 12, da segunda reunião da Comissão Especial de Trabalho do Saneamento Básico de Bombinhas. Presidido pelo Engenheiro e Secretário de Captação e Projetos Antonio Machado.

O grupo composto por representantes da sociedade organizada tem se reunido mensalmente para estudar, elaborar, e discutir projetos que visem à solução dos problemas de saneamento de Bombinhas.

Tem cadeira no fórum de discussão a Associação AMABombinhas, Amigos da Praia de Bombas, AEMB, CDL, Associação Amigos do Mariscal, do Canto Grande, Morrinhos, Zimbros, dos Maricultores, dos Pescadores, Instituto Kat Schurmann, além de membros do Executivo Municipal.

No primeiro momento, houve a exposição pelo Professor Lerípio da Univali, pelo Sr. Vilfredo Schurmann do Instituto Kat, e pelo Mário Pêra da AEMB, da proposta das entidades junto ao ministério público para implantação do saneamento em Bombinhas.

A proposição é que Bombinhas venha a articular ações junto ao ministério público para cobrar da Casan uma ação efetiva sobre o tratamento de esgoto.

O Prefeito Manoel Marcílio dos Santos (Maneca) agradeceu o apoio que tem recebido das ONGS, e agendará reunião com o ministério público na última semana de Junho.

Em seguida foi apresentado um esboço da lei municipal que estabelecerá as diretrizes para o Sistema de Saneamento Básico de Bombinhas. Baseada na Lei Federal de n° 11445, e na Lei Municipal de Jaraguá do Sul, a proposta da Lei de Bombinhas foi passada aos representantes das entidades presentes para análise, e formulação de sugestões até o dia 29 de junho.

"A lei do Sistema de Saneamento Básico de Bombinhas, a exemplo da Lei Federal 11445 integrará ações referentes à coleta de lixo, drenagem pluvial, fornecimento de água potável, tratamento de esgoto sanitário, e será base para todas as ações que venhamos a tomar daqui para frente" afirma Antônio Machado. "A participação da ativa comunidade, a Lei do Sistema de Saneamento e a Lei das PPPs, parcerias público privadas, que a administração pretende enviar a Câmara, serão o tripé de apoio para as melhorias no município" conclui.



Fonte: JORNAL O ATLÂNTICO (Itapema - SC)

 

 

 

 

 

 

banner

Copyright © 2007 Todos os Direitos Reservados - Fazendo Site